A volta das voltas. Chegamos, partimos e lá voltamos sempre!

04
Dez 09

 

Para o comum dos cidadãos é incompreensível o que está a acontecer – Obras adjudicadas e em curso, e, passado um ano, aparece o TC a negar o seu OK para obras que começaram há muitos meses.
Que “raio” de Leis e regulamentos são estes, aprovados decerto pelos “doutos” deputados na nossa Assembleia da República, que permitem esta incongruência?
Se, de acordo com a Lei, é necessário visto do TC, não devia ser possível ao Governo ou a qualquer outra entidade em questão, validar o resultado dos concursos públicos, e, muito menos, adjudicar e dar luz verde para o início das obras, antes de existir o tal visto. É claro que o TC não pode demorar um ano ou mais a efectuar esta diligência.
 Bom, o que sabe, é que existe (ou existiu) o risco de determinada obra começar e acabar, e só depois aparecer o célebre visto ou a sua negação.
E agora? Como é? Param tudo? Desfazem o que está feito? Isto é um País, não é?
“SANTA” INCOMPETÊNCIA!
Resolvam depressa a porcaria que fizeram, ou ainda vamos todos à falência.
Ver aqui, o que dizem os protagonistas.
SBF
(Foto: Jornal I - online)

Novembro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
26
27
28

29


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO