A volta das voltas. Chegamos, partimos e lá voltamos sempre!

31
Out 12

 

 

Os discursos que foram escritos e lidos, as palavras que foram ditas, os fatos e gravatas que foram vestidos, os topo de gama que os levaram, as colónias, after shave e os perfumes que botaram, nada têm a ver com a realidade da vida dos portugueses.

 

Para 2/3 dos deputados o que mais interessa é ganhar o debate, ficar bem no filme e na fotografia. 

 

À medida que o País empobrece, mais se alarga a distância entre o cidadão comum e a nossa classe política.

 

Silvestre Félix

publicado por voltadoduche às 16:06

16
Out 12

Ao contrário do habitual começo das “histórias da carochinha”, «era uma vez…», esta é bem verdadeira e nem sequer é “história”. É a amarga realidade que vivemos no meio de argumentos cinzentos que nos levam direitinhos para o abismo.

 

Com promessas generosas recheadas de bondade cheirosa a sacristia, convenceram este povo a abrir as portas a um autêntico “Cavalo de Troi(k)a”.

 

Ele, entrado e bem preparado para desferir o primeiro golpe, ainda teve lábia para se ir acomodando na zona central para, daí, despejar a soldadesca na investida decisiva, destruindo tudo à sua passagem.

 

O “Cavalo de Troi(k)a” não está longe de cumprir os desígnios de mais uma vitória neoliberal que, se conseguisse, marcaria, aí sim, a história desta Pátria de quase 900 anos.

 

Aqui, não temos Helena nem Menelau mas temos Zés e Marias de sobra para dar luta aos protagonistas do “Cavalo de Troi(k)a”!


Silvestre Félix

publicado por voltadoduche às 12:56

27
Jul 11

E os nossos digníssimos deputados lá conseguiram arranjar duas semanitas de férias.

 

Muito “mau sinal” dão a

quem não tem férias porque tem de trabalhar

e a quem não vai de férias porque não tem onde trabalhar.

 

Falando em “mau sinal”, também o é, aumentar o número de administradores para a nova administração da Caixa Geral de Depósitos, ainda por cima, alguns bem conhecidos por estarem na primeira fila da ascensão de Passos Coelho.

 

Outro “mau sinal” são as derrapagens que se vão detetando nos diversos ministérios. “Mau sinal” reforçado são os gritos ao “vento” de alguns ex-governantes tentando minimizar a situação.

 

Silvestre Félix


Novembro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
26
27
28

29


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO