A volta das voltas. Chegamos, partimos e lá voltamos sempre!

25
Jun 12

A modernidade duma ferramenta como um computador contrasta com a suscetibilidade de se avariar e mandar às “malvas” tudo o que não esteja copiado em unidades externas. Não consigo aceitar com passividade que por motivos indecifráveis o técnico inteligente não ultrapasse a máquina nesta tarefa de recuperar o conteúdo do disco, neste caso bem rígido.

 

Recomeçar é conjugado muitas vezes ao longo da nossa vida. Dependendo da altura, pode ser um fôlego essencial para o período que vem a seguir.  

 

Provavelmente era disso que o meu PC estava a precisar – uma branca de 3 semanas e começar mais à frente. A necessidade aguça o engenho e a partir de agora vou passar a ter mais atenção às cópias.

 

Silvestre Félix

publicado por voltadoduche às 16:29

Novembro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
26
27
28

29


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

posts recentes

DISCO RÍGIDO

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO