A volta das voltas. Chegamos, partimos e lá voltamos sempre!

13
Dez 11

O que foi bem feito e é bom, mesmo que tenha o nosso adversário a fazê-lo, não deve ser ignorado nem eliminado.

 

As energias renováveis e o sucesso de um grande (chamado) “cluster – elétrico”, foram bandeiras do anterior Governo com provados ganhos para a economia do País. Dava tanta “bandeira” que às vezes até chateava. O Primeiro-Ministro de então, chegou a auto-transportar-se em veículo elétrico para alguns eventos urbanos e, nesta matéria, fizeram um bom trabalho reconhecido dentro e fora de Portugal.

 

O que é facto, e é isso que interessa, desde Junho deixamos de ouvir falar no mérito das energias renováveis e no dito “cluster – elétrico”. Era desígnio do Governo PS e, como tal (digo eu), não interessava dar-lhe grande importância.

 

Este, como outros que não vêm agora ao caso, foi e é um erro de palmatória e, a primeira prova está aí;

 

A suspensão da fábrica de baterias da NISSAN com todos os prejuízos inerentes.

 

Onde está o Álvaro que veio do outro lado do mundo?

 

Silvestre Félix

publicado por voltadoduche às 16:48

Dezembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
17

18
23
24

25
26
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO