A volta das voltas. Chegamos, partimos e lá voltamos sempre!

25
Abr 09

E os do Movimento, a esta hora, já tinham a situação controlada. Só na “António Maria Cardoso” se pressentia algum perigo. Os PIDES não se iam conformar com facilidade. Todos sabíamos, que logo o CAPITÃO SALGUEIRO MAIA entrasse no Quartel do Carmo, a ditadura acabava de vez.
Depois de tanto tempo contado em 48 anos,
voltaríamos a ter imprensa livre e o “República” não mais seria proibido,
os presos políticos seriam libertados,
regressariam os exilados,
voltaria a ser possível sentarmo-nos numa esplanada e falarmos à vontade e sobre o que nos apetecesse, sem receio que o parceiro da mesa do lado nos escutasse.
Ia haver eleições livres para escolhermos os nossos representantes, e,
mais importante do que tudo, ia ficar aberto o caminho para negociar o final da guerra com os movimentos de libertação das Colónias.
SBF
publicado por voltadoduche às 16:30
tags:

Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24

26
27
28
29
30


mais sobre mim
pesquisar
 
HOJE VIERAM VISITAR-ME

contador gratis
DESDE 14.06.2009
Free Counter
Free Counter
PELO MUNDO FORA DESDE 28.10.2009
Locations of visitors to this page
blogs SAPO