A volta das voltas. Chegamos, partimos e lá voltamos sempre!

23
Out 12

 

 

 

O nosso “segredo de justiça” continua a ser uma “figura” de retórica que, à mais pequena ameaça de ficar amordaçado, desamarra-se, foge cá para fora e brada com força para que ninguém tenha dúvidas sobre quem são os investigados.

 

O “segredo de justiça” tem amigos mas tem muito mais inimigos. Estas inimizades são demonstrativas da degradação do nosso aparelho de justiça. Não conseguimos saber se é a montante ou a jusante de qualquer coisa mas, que há muita gente disposta a bufar cá para fora, com certeza a troco de dumas lentilhas, lá isso há!

 

De facadinha em facadinha, o nosso “segredo de justiça” vai ficando cada vez mais vazio e desnecessário neste reino de traições! E depois, as facadinhas, não são em qualquer coisa, tem de ser logo no Primeiro-Ministro, pelo menos!

 

Para quando inquéritos conclusivos no que respeita a estas fugas de informação?


Acho que, nestes casos, a “proteção da fonte” devia fazer um intervalo para que se começasse a malhar na verdadeira escumalha que sobrevive misturada com os bons funcionários.

 

Silvestre Félix

publicado por voltadoduche às 15:26

Outubro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12
13

14
15
20

21
22
24
27

28
29
30


mais sobre mim
pesquisar
 
HOJE VIERAM VISITAR-ME

contador gratis
DESDE 14.06.2009
Free Counter
Free Counter
PELO MUNDO FORA DESDE 28.10.2009
Locations of visitors to this page
blogs SAPO