A volta das voltas. Chegamos, partimos e lá voltamos sempre!

16
Mai 12

A primeira reação quando verificamos que a missão das Forças Armadas Portuguesas ao largo da Guiné-Bissau custou 6 milhões de euros, é negativa e alinha-nos na onda de protesto.

 

Lendo duas vezes e refletindo outras tantas, no que me toca, até não será bem assim. Na verdade, a alternativa era bem pior se a coisa desse para o torto como aconteceu há uns 14 anos, a propósito de um outro golpe de Estado no mesmo País.  

 

Numa situação destas o Estado deve garantir a segurança dos nossos compatriotas e foi o que foi feito. A despesa foi brutal, é verdade. As críticas têm alguma audição porque, felizmente, a missão regressou sem ter havido necessidade de intervir. Se, pelo contrário, a missão tivesse resgatado pessoas e bens, a despesa não seria motivo de notícia.

 

«Foi feito o que tinha de ser feito!»


Silvestre Félix

publicado por voltadoduche às 17:02

Maio 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
14
17
18
19

20
21
23
24
25
26

27
28
31


mais sobre mim
pesquisar
 
HOJE VIERAM VISITAR-ME

contador gratis
DESDE 14.06.2009
Free Counter
Free Counter
PELO MUNDO FORA DESDE 28.10.2009
Locations of visitors to this page
blogs SAPO