A volta das voltas. Chegamos, partimos e lá voltamos sempre!

02
Abr 12

A “Dama de Rangum” foi ontem eleita deputada.


A esperança regressou à Birmânia. Aung San Suu Kyi, filha de um general herói da independência assassinado em 1947, depois de praticamente 20 anos em prisão domiciliária, resistiu a todos os desmandos e ratoeiras praticadas pelos militares no poder e foi determinante para que o regime tivesse abrandado a pressão, cedendo um pouco e permitindo a realização de eleições com a sua participação.

 

Permanece a dúvida no Ocidente, se esta abertura faz parte duma estratégica da Junta Militar só para aliviar as sanções ou se correspondem a uma intenção real de caminhar para um sistema verdadeiramente democrático.

 

Para já, a Prémio Nobel 1991, festeja a vitória e os birmaneses acreditam num futuro auspicioso. Suu Kyi tem hoje 66 anos mas está com alguns problemas de saúde. O seu partido, a Liga Nacional para a Democracia (LND) precisa da “Dama de Rangum” para mobilizar o povo sofrido da Birmânia.


Silvestre Félix

publicado por voltadoduche às 16:28

Abril 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
13
14

15
16

22
26
27
28

29
30


mais sobre mim
pesquisar
 
HOJE VIERAM VISITAR-ME

contador gratis
DESDE 14.06.2009
Free Counter
Free Counter
PELO MUNDO FORA DESDE 28.10.2009
Locations of visitors to this page
blogs SAPO