A volta das voltas. Chegamos, partimos e lá voltamos sempre!

28
Set 11

Há pouco ouvi, um daqueles habituais analistas que nos entram pela casa dentro, dizer, mais ou menos;«que a sociedade portuguesa já interiorizou como
normal que os partidos prometam tudo e mais alguma coisa nas campanhas eleitorais e, chegados ao poder, façam exatamente o contrário» (???).

Como é que se deita pela boca fora tamanha asneira?

 

É de facto verdade que a maioria dos dirigentes partidários mentem neste sentido (e noutros) e, por isso, deviam ser penalizados pelos portugueses. Mas dizer que se aceita a “vigarice” como normal, já é demais.

 

Os cidadãos têm direito à indignação e não à conformidade!

 

Silvestre Félix

publicado por voltadoduche às 17:35

Setembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11

19
23



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
HOJE VIERAM VISITAR-ME

contador gratis
DESDE 14.06.2009
Free Counter
Free Counter
PELO MUNDO FORA DESDE 28.10.2009
Locations of visitors to this page
blogs SAPO